Amo Casamentos

Lua de mel em Malta: 8 dicas para você aproveitar a sua!

Lua de mel em Malta

Então você acabou de se casar. O estresse de planejar o que foi, possivelmente, a maior festa de suas vidas finalmente acabou. Agora é a hora de relaxar no destino que escolheram: a lua de mel em Malta.

Depois de todo esse tumulto que uma organização de um casamento pode ser, a única coisa que você quer é uma viagem incrivelmente perfeita. Sendo assim, Malta é o local ideal para os pombinhos passarem dias incríveis e inesquecíveis.

Dessa forma, preparamos algumas dicas para que esse tempo na ilha paradisíaca seja a viagem do sonho do casal. Confira!

8 dicas para a lua de mel em Malta ser perfeita

Malta é um país membro da União Europeia. Composto por um arquipélago e localizado no Mar Mediterrâneo, no sul da Itália, a leste da Tunísia, traz o clima quente e seco. Assim, acaba se tornando o destino mais que ideal para aqueles que desfrutam de praias virgens e paisagens incríveis.

Este pequeno país proporciona o ambiente propício para dias românticos e inesquecíveis. Os pombinhos terão a chance de desfrutar de momentos relaxantes e de luxo, já que algumas acomodações são de primeira classe, com spas de última geração.

O casal tem a opção de fazer tratamentos de talassoterapia, banhos termais e massagens. É certamente uma boa maneira de se conectar, vivenciar momentos de paz e se recuperar de todo a tensão pré-casório.

1. Primeira parada, Valletta

O centro da vida no arquipélago maltês é, sem sombra de dúvidas, La Valletta, a capital localizada na ilha. Ela se apresenta como uma cidade-fortaleza intacta. Há tantas coisas para apreciar na lua de mel em Malta, que começar com um passeio romântico no centro histórico é perfeito. O casal tem a chance de admirar as varandas dos antigos palácios nobres com suas cores vivas e descobrir as duas obras de Caravaggio que são preservadas na Catedral de São João.

Outro trabalho inestimável da cidade é o Il Palazzo Del Grande Maestro: é um edifício de 1571. Por mais de três séculos, sediou a sede do Grão-Mestre dos Cavaleiros de São João. Hoje, além de ser a residência do Presidente da República e a sede do Parlamento de Malta, apresenta duas salas abertas ao público.

Será fascinante mergulhar na história, admirando a beleza das tapeçarias que decoram a Câmara do Conselho ou os afrescos mantidos no Salão do Conselho Supremo.

Lua de mel em Malta

2.    A lua de mel em Malta com uma imersão na história

A história de Malta tem muito a lhe contar através dos traços deixados pelos diversos domínios da ilha ao longo dos milênios.

Talvez os pombinhos prefiram os lugares menos movimentados que Valletta. Dessa forma, sugerimos uma imersão autêntica na história na “cidade silenciosa” de M’dina, a antiga capital de Malta.

Seu centro tem 4.000 anos e está situado entre ruas estreitas e antigos palácios nobres, a 190 metros acima do nível do mar. Essa é a atmosfera ideal a meio caminho entre o Barroco e a Idade Média, ladeada por palmeiras, oliveiras e peras espinhosas.

Não muito longe, está Rabat (que não deve ser confundida com a capital homônima de Gozo). Esta antiga residência das famílias nobres é um ponto incrível para quem passa a lua de mel em Malta. É uma joia histórica e arqueológica e, acima de tudo, é um relevante centro religioso.

3.    Espiritualidade e romance

Quaisquer que sejam as crenças religiosas, os noivos se fascinarão pela espiritualidade dos templos megalíticos de Gozo. Deve-se notar que esses templos de Ggantjia datam de uma época anterior ao complexo de Stonehenge (estamos falando de 3.600 aC).

Assim, devido às suas dimensões colossais, eles foram planejados ​​para abrigarem muitas pessoas. Não é à toa que o complexo foi declarado Patrimônio Mundial pela UNESCO, e certamente merece uma visita.

4.    Aproveitar uma lua de mel em Malta no misterioso hipogeu de Hal Saflieni

Outra atração maltesa que poderia interessar em lua de mel romântica é o misterioso Hypogeum de Hal Saflieni. Este e o único templo subterrâneo pré-histórico do mundo.

O local histórico também foi declarado Patrimônio Mundial pela UNESCO e sua construção remonta a 3600 aC. O hipogeu foi descoberto por acidente em 1902, após algumas obras.

Certamente merece uma visita, uma vez que desce por três níveis no subsolo. Enquanto o casal caminha, deve segurar as mãos, pois mais de 7000 esqueletos foram encontrados nesse lugar.

Entretanto, não há problema! O medo logo deixará espaço para o espanto, quando entrarem na Sala do Oráculo.  O buraco emite a voz de um homem que consegue ser ouvida em todo o hipogeu. Inacreditável, não?

5.    Atrações fatais na caverna de Calypso

Em Odisséia, Homer conta que Ulisses desembarcou em uma ilha, onde a deusa Calypso se apaixonou por ele e o manteve por dez anos. Segundo o lendário livro, a caverna em que vivia o valente viajante fica na praia vermelha de Ramla.

Hoje os casais também podem desfrutar a lua de mel em Malta seguindo até o local de carro. O caminho não possui movimentações exorbitantes para preservar sua atmosfera romântica.

A partir daí, os pombinhos podem admirar uma vista verdadeiramente incomparável da baía. Quem sabe podem trocar declarações de amor?

Lua de mel em Malta

6.    O encanto de suas enseadas secretas

Na paisagem de Malta, os penhascos vertiginosos contrastam com as baías ocultas de águas azuis e cristalinas. Os melhores locais para nadar, tomar sol ou mergulhar com snorkel são encontrados em enseadas naturais que pontilham a costa.

Os destaques incluem:

  • A bela piscina de São Pedro;
  • A piscina de pedra natural de Ghar Lapsi;
  • A piscina de Wied il-Ghasri, que é alcançada por uma escada na rocha.

7.    A lua de mel em Malta na costa abrupta e mágica

Não é tentador ter a chance de uma lua de mel em Malta em meio a belas falésias? Os mais impressionantes são os de Dingli e os de Mtahleb, na ilha. Além do mais, tem a área das Janelas Azuis, na ilha de Gozo, que também possui piscinas naturais impressionantes.

8.     Um romântico passeio de barco

Se o casal procura privacidade, tem a oportunidade de alugar um iate para ir a uma de suas lagoas azuis cristalinas e navegar pelas ilhas de barco. Não se pode perder a Ilha de Comino. Este é um paraíso de praias imaculadas, bem como águas transparentes onde está localizada a sobrenatural Lagoa Azul. Sem dúvida, o lugar ideal para se tomar um banho verdadeiramente prazeroso.

E então? Curtiu as dicas que demos para os pombinhos aproveitarem a lua de mel em Malta? Não perca a chance de conhecer esse lindo lugar! Certamente, o amor e a viagem ficarão marcados em seus corações!