Amo Casamentos

Quer curtir a lua de mel na Grécia? Veja o que não pode faltar

Lua de mel na Grécia

Passar a lua de mel na Grécia é o sonho de muitos brasileiros, porém, ir para lá sem saber nada é arriscado. Por isso, para você curtir o seu passeio sossegadamente, você precisa conferir todas as nossas dicas a seguir. Sem dúvidas, a sua viagem será inesquecível e, com certeza, você voltará mais vezes.

Para qualquer lugar quando você for viajar, é muito importante estar preparado para evitar qualquer contratempo. Turistas desavisados acabam caindo em diversas ciladas. Aliás, alguns são até vítimas de golpes. Isso sem contar que sua viagem não é completa se você não pensa em todos os detalhes.

As nossas dicas vão te ajudar a se manter seguro em um país diferente. Afinal, ninguém quer ser assaltado fora do país, não é mesmo?

Quem estiver indo visitar a Grécia, poderá conhecer também Atenas, pois um lugar é caminho do outro. Inclusive, a maioria dos barcos e voos passam pelas ilhas gregas, então, dá para juntar o útil ao agradável.

Visite as ilhas gregas

A Grécia possui muitas ilhas. Dependendo da duração da sua lua de mel, dá para conhecer várias delas.

A nossa dica para a sua viagem de lua de mel na Grécia é que você visite, pelo menos, duas ilhas. Duas ilhas são o suficiente para você sentir a energia desse lugar tão maravilhoso.

Certamente, as duas ilhas mais visitadas na Grécia são Mykonos e Santorini. Elas possuem uma facilidade muito grande para os turistas, já que ficam próximas. Então, não precisa fazer um grande deslocamento para ir de um ponto ao outro.

Lembre-se: essas ilhas que nós citamos acima são as mais visitadas. Isso não significa que não existam outras.

Lua de mel na Grécia

Como é o deslocamento pela Grécia?

Esse é um dos pontos que podem te desagradar durante essa viagem de lua de mel na Grécia. As ilhas turísticas não ficam próximas umas das outras, o que significa que a melhor opção é ir de avião de uma para a outra.

Muitos turistas desistem e acabam conhecendo apenas uma ilha, justamente para evitar esse tipo de transtorno de deslocamento.

Mas o pior ainda está por vir, pois entre essas ilhas não existe voo direto, o que significa que é necessário fazer escala em alguns locais como Creta e Atenas. Por conta disso, as viagens se tornam muito mais demoradas.

Na época de verão, algumas empresas fazem esse tipo de trajeto, deslocando os turistas entre essas ilhas. É mais rápido e bem mais barato.

Passar a lua de mel na Grécia é caro?

Passar a lua de mel na Grécia não é barato, pois é um país que faz parte da zona do euro. Por conta disso e com as variações do câmbio, não é barato viajar para a Grécia. As ilhas que fazem parte de todo o cartão postal desse país são as mais caras em termos de passeios.

O valor por pessoa para se hospedar diariamente é por volta de € 107, o que dá quase R$ 500. Já a parte continental da Grécia é mais acessível e poucos turistas sabem disso.

Portanto, se quer realizar esse sonho de passar a lua de mel lá, comece a economizar.

Quais são os melhores períodos para viajar a esse país?

Se o que você quer mesmo ao ir para a Grécia é visitar as ilhas, então a melhor coisa a fazer é ir durante o verão.

Se você escolher visitar as ilhas no inverno, você se dará mal. Na época das temperaturas mais frias, o turismo nas ilhas fica praticamente suspenso.

Inclusive, não existe locomoção, pois os barcos acostumados com esse trajeto não fazem a rota no frio.

Meses com temperaturas mais quentes como junho a setembro são os melhores para nadar no mar. No verão, quando as praias ficam lotadas, o custo de hospedagem vai às alturas. Julho e agosto são os meses não muito favoráveis para hospedagem.

Conheça 4 dicas antes de passar a lua de mel na Grécia

Você, que está pensando em passar a lua de mel na Grécia, vai gostar das dicas que vamos te dar a seguir.

1 – Além do grego, o inglês é usado!

Mesmo que o grego seja o idioma oficial da Grécia, naturalmente, o inglês também é muito utilizado na comunicação, principalmente nas ilhas turísticas.

Nos locais mais turísticos da Grécia é comum que a maioria dos funcionários fale inglês. Porém, em locais menos visitados, o grego é o idioma mais comum.

2 – Não é necessário visto

Para entrar na Grécia, os brasileiros não precisam de visto. Mas isso vale somente para turismo e viagens de negócios com prazo de permanência no país por, no máximo, 90 dias.

O visto não é necessário, mas há algumas obrigatoriedades. É importantíssimo ficar atento. Uma delas está em seguida.

Lua de mel na Grécia

3 – Obrigatoriedade do Seguro Viagem

O Tratado de Schengen é uma obrigatoriedade que a União Europeia exige de todos os turistas que vão visitar o continente europeu. Para viajar para a Grécia, é preciso contratar um Seguro Viagem com cobertura de, no mínimo, 30 mil Euros.

Existem muitas opções no mercado e você pode pesquisar na internet mesmo. Algumas empresas oferecem diferentes tipos de descontos, principalmente para brasileiros que estão visitando a Grécia pela primeira vez.

4 – Leve o seu adaptador de tomada

Sabe aquelas tomadas antigas que existiam no Brasil? Aquelas de dois pinos? Então, todas as tomadas da Grécia são de dois pinos.

Portanto, se você quer ligar o seu celular ou notebook na tomada, por exemplo, terá que levar um adaptador. Certamente a maioria dos aparelhos do Brasil já está no padrão da tomada de três pinos. Isso significa que eles não poderão ser ligados na Grécia, a menos que você leve um adaptador.

Outro detalhe que merece atenção é em relação à voltagem das tomadas. Na Grécia, a voltagem da corrente elétrica é 220v. Ou seja, você terá que mudar a voltagem do seu aparelho, exceto para equipamentos bivolt.

Considerações finais

Preste bastante atenção nesses detalhes para que a sua lua de mel na Grécia não tenha nenhum contratempo. Afinal de contas, você está indo viajar porque quer comemorar esse acontecimento tão importante. Aproveite!

Deixe seu comentário